16 fevereiro 2013

Acabou-se rápido

 Esse post agora sendo lido, foi apagado e reescrito mais uma vez. 
Sentimento é uma coisa estranha. Aquilo que sentia foi passageiro e como nunca tenho plena certeza daquilo que sinto, preferi não me expor. Agora lhe escrevo outro, entrei em contradição. Como já disse, sentimento é uma coisa e.s.t.r.a.n.h.a.

Sem tremores ou palpitações, tudo muito normal, normal até de mais. Não estava ansiosa em vê-lo, não criei expectativas desse encontro. Não fiquei imaginando como seria durante o filme.  Mas me arrumei bem, usei o perfume que ele tanto gostou. Nos beijamos "apaixonadamente" sorrisos entre os beijos, olho no olho. 

 Dias vão passando e AQUELE tesão se perdeu. Tornou-se monótono a conversa que se resumi em perguntas diárias e troca de elogios obrigatórios para reafirmar que iremos no "pegar" na estação antes dele ir pra faculdade eu pro ensaio da orquestra.

Eu sei que essa enrolação não irá muito longe, porque estamos somente ficando nada de planejar o futuro ou filhos rs. Planejamos encontros, assistir um show, ver um filme e ele promete que irá e pegar de jeito, mas é tudo vazio. Aliás, esse termo ficar é tão vazio.


22 comentários:

Gugu Keller disse...

Viver é administrar contradições.
GK

Vinnië Rodrigues disse...

Por que será que sente que é tudo vazio ou é por que já não tem mas pespectivas sobre a coisa, e ficou no tanto faz? Me parece um daqueles desinteresses, interessados. Mas vai saber ao certo oque é, a verdade é que nunca sabemos! Fico com a teoria que a pespectiva esta em alta e espera de fato alguma. Boa sorte no romance. Tenha uma boa semana, bj

Dama de Cinzas disse...

Acho também que o problema está sempre nas expectativas que temos. Se você estivesse sem nenhuma expectativa sobre esse caso, talvez tivesse achando muito bom. Mas como deseja mais, a coisa desanda. Isso é normal de nós seres humanos, cheios de desejos que nem sempre batem com os dos outros.

Obrigada pela visita em meu blog.

Beijocas

Bia Hain disse...

Oi, Nathália. Conforme fui lendo já imaginei de que se tratava daquele rapaz...eu nunca gostei de ficar, mas sou uma pessoa muito 8 ou 80, ou seja, ou é, ou não é.
Mas quem sabe seja um tempo bom para avaliara até que ponto o relacionamento vale a pena...e tem razão, sentimento é mesmo uma coisa estranha. Gostei dos quadrinhos. Um abraço!

Eduardo Felipe disse...

Algumas expectativas podem decepcionar, sempre esperamos de mais algo que não pode acontecer, dai as coisas se tornam mais difíceis e problemáticas.
Espero sua visita:
apatia-social.blogspot.com.br

FOXX disse...

ah, não gosto, sou contra textos reescritos. deixa do jeito que tá, foi um registro de um momento, prefiro fazer outro dizendo que alquilo foi passageiro do que reescrever.

que bom que gostou do Estórias.

Vera, a Loira disse...

Os sentimentos são mesmo assim, fazem entrar em contradição a cabeça com o coração.

Cristiano disse...

outro dia vi uma frase de alguém explicando o críquete...

"Críquete é como a vida... uma grande monotonia alternado por momento de excitação"

Fred disse...

"Ficar" nunca fez minha linha... sempre preferi "ir"... hehe! Muito bom! Bjos!
E tb concordo contigo: as coisas de "antigamente" parecem mais gostosas... ainda mais nos dias de hoje... hehe!

Brunna Silva disse...

Sinto falta daquele velho termo "a moda antiga". Não sou de ficar, sempre fui do tipo que: só fico se gostar (amar?), e isso me leva a um namoro. Agora me pergunte se o namoro já bateu a minha porta?! Adoraria que esse tipo de pensamento ocorresse na mente dos "tais" que entram na minha vida.
Ai ai, vida.
:)
Beijos!

Camilla ♥ disse...

"Esse termo ficar é tão vazio" SOCORRO GFHKGJHFJHGJFHJKGHFKJG THIS! Meu próximo post vai falar sobre meus 16 anos, né? vou reclamar de tudo isso! HKJGFHKJGFHKJ

Bom... a euforia se perde, mas quem sabe dá certo?

Beijos e boa terça ♥

Sugar Dance

Carolina Lima disse...

Sentimento é realmente uma coisa muito estranha!

beijinhos :*
Carol
Um blog simples
Sorteio de coisinhas ♥

Xisdê disse...

Lendo os comentários, acho que todos nós chegamos a uma conclusão em comum: a expectativa é sempre diferente da realidade. Hahaha!

Mas eu não diria que a expectativa é de tudo "boa". Às vezes a gente se surpreende com a realidade que acaba sendo melhor que as expectativas... E acaba sendo MUITO melhor quando isso ocorre.

bjo

Leka disse...

Complicado isso, pois ter química é bom, mas se acaba virando rotina, conversas vagas, vai ficando confuso mesmo. Acho que só o tempo vai esclarecer o que será...

Adorei a ilustração!
bjs!

Yasmin disse...

Sempre achei que o termo "ficar" é bastante vazio, assim como você citou na frase e deu a entender no texto todo. Muito me admira quem consegue "ficar por ficar" como se fosse uma coisa totalmente natural (e vai ver até é) porque eu mesma nunca consegui fazer isso. Sempre fui das carentes que precisou sempre ter alguém do lado, frequentemente, e também sempre me apeguei muito fácil aos outros. Talvez isso justifique.
Gostei do teu texto, do blog e mais ainda de ver que você toca flauta; acho tão lindo!
Beijos.

ᄊム尺goん disse...

expectativa sempre gera desconforto.
gosto mais de possibilidades...


beijo

Loh LS disse...

Nathy, já vi vários casos como o seu virar um romance...nunca se sabe!
Bjs

Maria Öwre disse...

Se tu tá com uma pessoa só pra ficar, realmente é um bagulho muito vazio.

Layanne Eduarda disse...

Ficar é uma forma da gente tentar preencher aquilo que não temos e que está difícil de arrumar. :(

Ludi disse...

adorei de mais esse quadrinho!!!

Taiane Brito ;* disse...

Sentimento é realmente algo bem estranho e bem efemero, por diversas vezes já passei por isso, estar muito bem e simplesmente perder o encanto depois de um tempo. Acho que as coisas vão virando rotina e é ela que acaba com tudo, é uma delicia conhecer e desvendar o outro, depois disso parece que a pessoa parece ser comum e é ai que a coisa fica estranha.
bj

Lari Moreira disse...

Realmente, o 'ficar' é muito vazio e incerto.