07 dezembro 2012

" Você acredita na magia do Natal" ?

 Acabei de assisti o comercial da Coca cola e seu emblema me fez pensar.   
Nunca gostei dessa data festiva e não vai ser a agora que serei adepta a  comprar presentes ou enfeitar a casa, ato que nem mesmo minha família tem o costume, no máximo minha mãe compra panos de prato e xícaras, para presentear minha solitária Avó e algumas tias. 


Acho lindo esses enfeites

  Seria um chavão dizer que Natal é uma data comercial, quem não sabe disso? Mas vamos fingir, que ninguém sabe. Você saberia me responder, o que é a tal magia do natal? 


É festejar com familiares e amigos?
É ver a casa cheia de pessoas felizes, se fartando.
Receber presentes inesperados? 
 Abraços e beijos com mais frequência?
Gastar todo o Décimo terceiro, com  presentes para si mesmo?
 Sentir boas vibrações de que o ano que vem pode ser melhor? 
(aliás, isso fica para o post do ano novo:)

Quando a magia acaba, tudo volta a ser podre como antes ou ao menos maquiado. 
 Como uma magia, o feitiço perde seu efeito.
 Desculpa se sou equivocada, sempre achei essa data triste.    

12 comentários:

Cristiano disse...

Acho que a magia do natal eh sonhar... que tudo que quiser vai se realizar...

♥ Luciana de Mira ♥ disse...

Ah, eu amo o Natal ^^

Hee' Karina disse...

Eu acredito muito na magia do natal, acho que essa epoca que tem o coração bom fica singelo, é tempo de ajudar o proximo, agora quem é do mal nao vai mudar por uma simples magia.

docefuturo.blogspot.com

Nati disse...

Perdemos a magia do natal a partir do momento em que descobrimos que o Papai Noel não existe, que as pessoas que não falam conosco o ano inteiro nos abraçam na noite de natal, só pra dizerem que são educados, que os parentes que nos maltratam o ano inteiro querem que passemos juntos essa data. O natal nada mais é uma data para comprarmos, bebermos e comermos mais do que o normal.

É, o natal não é mais o mesmo de antigamente. Beijos

Lady LoLo disse...

Eu gosto do Natal! Toda essa magia funcionava muito bem quando eu era criança! Mesmo que não ache mais emocionante, gosto de reunir com meus familiares, ceiar, nos vestir bem e tirar boas fotos (ou não) juntos, e nos esquecermos por um dia que a vida real não tem mágica nenhuma.

Taiane Brito ;* disse...

Eu nunca fui de ver o natal com maus olhos, sempre gostei da data, mas não sei porque esse ano to vendo as coisas assim exatamente como você, maturidade talvez, ou saco mesmo do mundo.

Yasmin Baltazar disse...

Ao que parece tudo já foi tragado pelo capitalismo. Infelizmente só em feriados como esse temos a chance de para e pensar, mas depois tudo vira a mesma merda de sempre.
bj

Yasmin Baltazar disse...

Ao que parece tudo já foi tragado pelo capitalismo. Infelizmente só em feriados como esse temos a chance de para e pensar, mas depois tudo vira a mesma merda de sempre.
bj

Bia Hain disse...

Jhosy, eu tinha essa visão comercial do Natal quando era criança, mas hoje penso ser um bom pretexto para estar com a família e os amigos.
Acho que é uma questão cultural, em casa o Natal sempre foi vivido e comemorado com decoração, canções natalinas e união familiar e por isso acreditamos em sua magia. É possível que, por não ter essa cultura em sua família, passou a enxergar a data como uma mera data, e sem dúvida seu ponto de vista merece ser respeitado.
Um abraço!

#*Marly Bastos*# disse...

Nathalia,
Eu também não gosto da comemoração do Natal, por ver que ela se desvirtua do que realmente deveria ser. Papai Noel, árvores enfeitadas, peru assado e champanhe tomam o lugar de honra do aniversariante [Jesus]. E na confraternização se deixa bem à mostra as diferenças sociais: luxo e lixo. Enquanto uns esbanjam fartura os outros catam no lixo as sobras para matar a fome. Que confraternização é essa?
Estou contigo!
beijokas doces e uma boa semana.

Querido Diário Online *--* disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sifi -- Rafa (Hiper Friends) disse...

Alguns conhecidos meus Sempre batem na tecla que é puro fingimento ficar a família (sogras, cunhadas) implicando o ano todo e chega no natal querem ficar unidos, passa o natal volta a implicancia...
Mas eu vejo minha irmã tão feliz acreditando no papai noel... Eu me empolgo e faço enfeites e amo dar presentes *--*