05 março 2012

Fatos (des) interessantes

Coisas (des)interessantes que marcaram esses 3 últimos meses.


Percebi que sou uma bundona: Ainda não aprendi a escutar um lindo e gotoso "NÃO", a primeira vez que não fui aceita em tal corporação, fiquei com muita raiva, pois eu acreditava que tinha capacidade e eles me "excluíram" por serem inúteis. Depois fiquei triste, afinal, me senti incapacitada chorei feito uma criança, quando a mãe não quer comprar o bendito brinquedo de Ben 10. Estou aprendendo a lidar com isso.


Se for para ser será:  Já ouvi vááários médicos dizerem que mulheres acima de 30 anos podem ter uma gravidez de riscos. Um caso hilário aconteceu com a amiga da minha mãe, ela com 40 anos e seu marido com quase 50 anos, NUNCA tiveram um filho. Tentaram várias vezes e nada do pequeno espermatozóde encontrar seu caminho. Até que um belo dia, ela achando estranho um inchaço na barriga foi ao médico, fez uns exames e saiu o resultado: GRÁVIDA DE 8 MESES, é isso mesmo minha gente de OITO "8" MESES. Ela Já estava prestes  á dar a Luz (por baixo oijeijeioe). Ninguém acreditou, depois de tantas tentativas logo agora?  
 Mesmo sem acompanhamento médico do pré- natal, a Laura nasceu super saudável, pesando 3 quilos e alguma coisa. Quando é para ser será!


Perdi aquilo que NUNCA foi meu: Eu sempre tive muita facilidade em conhecer pessoas, mas dificilmente elas se tornavam meus amigos, eu sei que tenho um temperamento estranho KK é sério, poucas pessoas entendem meu sarcasmo ou simplesmente me entendem. Tenho poucas amizades masculinas, pois a maioria pensam em segundas intenções. Eu tinha um amigo de verdade, mais de VERDADE MESMO, eu sempre soube que ele gostava de mim, mas o meu carinho por ele era tão grande que isso não me importava. Na virada do ano, passei a madrugada até o dia raiar, conversando com ele pelo viva voz do messenger. Hoje não sei ao  certo o que levou á isso. Mas de uma coisa eu sei: Sinto falta dos sms de "bom dia" ás 4:46 matina ou de quando ele me chamava de "preta" e de "escrotinha". 
 Quem sabe um dia voltemos á nos falar, mas eu o conheço, ele me conhece, somos orgulhosos de mais.

23 comentários:

Ives disse...

Fiquei impressionado com a história da gravidez, que milágre, não? abraços

musicos e cia disse...

há coisas na vida que vem e vão,nos resta apenas aceitar.abraço!

Pedacinhos de mim disse...

Gostei mesmo destas histórias que aqui contaste, estes pequenos fragmentos da tua vida. A história da gravidez só mostra que com força de vontade consegue-se viver o que se quer, ter o que mais se sonha. Obrigado pelo comentário e pelo destaque à frase que coloquei. Um Beijo gostei muito :)*

Ágata Bresil disse...

Caraca, grávida de 8 meses? Eu não acredito nisso. É muito louco. Eu nunca vi algo assim acontecer, mas já ouvi falar e pensei que era lenda.

Estou seguindo. Beijos.

Tudo Tem Refrão

MárciMatias disse...

Para cada um de nós existe uma pessoa de quem um dia iremos sentir o maior amor de sempre e da qual vamos querer cuidar para sempre. E para ti vai decerto haver essa pessoa! :)

BIA disse...

A vida é cheia de surpresas algumas boas e outras nem tanto...
mas na maioria das vezes quando uma porta se fecha outra muito melhor se abre... nada como um dia após o outro...
Bjs :)

Portifolio das Letras - Juliana Martinelli disse...

Eu também preciso aprender a ser menos ''bundona''

@littlepistols
http://portifoliodasletras.blogspot.com/

♥ Luciana de Mira ♥ disse...

Fiquei surpreendida com esta noticia da gravidez!

Um pouco de Rafa disse...

Pouts, gosto pakas de conversar com pessoas seja pela internet ou pessoalmente, claro que pessoalmente da uma sensação de 'sou foda' maior e se a amizade continuar depois de algum tempo é mais gratificante, mais pela net as sensações são mais legais em outros termos. Gosto disso e tenho lá meus medos quando algum dos amigos que faço virtualmente me dexa, me exclui um pouco da vida... mas sempre relevo pois acabo descobrindo o motivo.
Achei legal o que hhouve com a mulher grávida, é um caso raro mesmo hehe, e outra coisa, trabalhe mais sobre este seu lado 'bundona' pois o mundo vai é te passar a perna em você e é ruim isso.
Hoje graças a Deus eu estou bem, superei os problemas do mundo social escolar e sem aquela de timido pra lá e pra cá. Ouço sim e não de boa e inclusive peço feedbacks para meus amigos, bons ou ruim.

Grato por passar no meu blog e espero que sejamos bons amigos viu. O seguidores do Google no blog acabou =( [To no Face /rafaelrfaria]

Cristiano disse...

Nó a historia realmente é: Se for para ser será...

Nos Amando... disse...

Amiga querida
não há impossíveis para Deus
amei ler aqui cada relato seu.
linda tarde feliz dia internacional da mulher.
bjs

Nicolas disse...

Tenho mais amigos homens, Mas eu tenho amigas mulheres rs.
Hj em dia eu tb demoro a confiar nas pessoas, mas não foi sempre assim.
Cara, como é que essa criatura estava grávida de 8 MESES e NÃO SABIA?? Haha

Aclim disse...

RSRSR..É SÓ AGUARDAR...A vida tem tantas surpresas, neh?

Abrçs

A Viajante disse...

Eii moça, quanto tempoo! Nossa fiquei impressionada com a gravidez, isso é coisa de Deus! Aaah quanto ao orgulho lembre-se você nao pode voltar no tempo, mas nada te impede de começar novamente. Vá atrás do que era seu e você nao sabia.

Beijaaaoo

HONORATO, Sandro disse...

Nath :)
A noticia da Gravidez chega a ser hilária kkkk

E bom,se sente falta dele deixe o orgulho um pouco de lado menina rsrs

Beijos e Feliz Dia Internacional da Mulher
_______________
RIMAS DO PRETO

wanessa, disse...

Espantei sobre a gravidez. Enfim, somos parecidas, no ''temperamento estranho'', já me disseram isso. Bem, feliz dia das mulheres *-*

Marcos de Sousa disse...

Orgulho não serve para nada, menina. - Típico conselho de quem também é orgulhoso e acredita no "faça o que eu falo, mas não faça o que eu faço -
Que loucura essa de gravidez de oito meses... Como ela não percebeu antes? O.o

Beijo

Leonardo disse...

"poucas pessoas entendem meu sarcasmo". Sabe que eu tenho esse problema tambem? hahaha> isso acaba sendo ruim muitas vezes

8 meses sem saber que estava gravida? Imagino o choque na hora que descobre

Até mais

Marcela Miranda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luana disse...

8 meses? Genteeeeeee!!! CHOQUEI!!!

Borboletas no Estômago disse...

também tenho a mania de perder o que não é meu...
devem ter feito um trabalho brabo contra mim...
ahuahauaha

Deby disse...

Puts, grávida de 8 meses já? o ruim foi que não tiveram nem como curtir a gravidez né?! Mas que bom que conseguiram ter uma filha e ainda mais saudável! :D

beijo! :*

*♡* Jane Dos Anjos *☆* disse...

Nossa a Nathy não sabe ouvir não?
Olha a diferença no texto, realmente vc não estava bem no anterior, agora parece mais focada no que ia escrever.
Olha ouvir NÃO é ruim mesmo e todo mundo já passou por isso, eu desde pequena nunca esperei nada demais, então ouvir não pra mim já é normal.
Agora o caso da amiga de sua mãe que com 40 anos teve seu 1º filho, nossa, mas sabe o que é isso, ela esperou tanto isso que não ia, sabe? Agora que ela tinha desincanado aconteceu e é um milagre mesmo, quando é pra ser é pra ser, eu sempre digo isso ao meu marido, já que ele é afoito demais.
Já ao seu amigo, bem! Não tenha orgulho demais, orgulho adoece a gente, mande um torpedo pra ele escrito, OI! Tuo bem! Se ele não responder ao menos vc terá certeza que tentou, se ele responder vai saber que ele tbm sente sua falta e talvez vcs retomem a amizade da onde parou, eu sou como vc, não tenho amizades com homens por que eles realmente sempre tem segunda, terceira e até quartas inteções e com outras mulheres tbm é dificil, elas não entendem minha forma de expressão, sacomé né?
Tudo com jeito se ajeita. Bjs