25 setembro 2011

49 a cada 100 mil mulheres por ano

 Se você só começou a ler esse post por conta a imagem, achando que irei falar sobre sexo ou qualquer coisa que esteja relacionada a isso. Pode tirar o cavalinho da chuva.

 "O câncer de mama afeta 49 a cada 100 mil mulheres por ano no país."

  Me lembro quando criança o grande "sensacionalismo" sobre a prevenção e cuidados do câncer de mama. Sinceramente eu com os meus 09-11 anos achava tudo aquilo uma perca tempo, um grande alarde pra uma "coisa" tão pequena, pois na minha família e amigos nunca houve casos. Os tempos se passaram, eu cresci, minha forma de pensar mudou.
 Semana passada na minha igreja uma jovem mulher descobriu que estava com pequenos nódulos no seio esquerdo foi fazer o exame e diagnosticou que é maligno ou seja a única forma de cura é tirando o seio por completo. O pior estava por vir, após fazer repetidos exames descobriu-se que o seio direito também continha nódulos e ambos estavam em estado avançado. Resumindo: ela retirou os dois seios de uma só vez. 
 Outro caso aconteceu recentemente, uma vizinha amiga da minha mãe, também foi diagnosticada com nódulos no seio,fez uma micro-cirurgia para tirar os mesmos, passou-se 1 mês , refez os exames e o tal nódulo é Câncer maligno. A unica forma de cura: retirando o seio esquerdo por completo, daqui a duas semanas ela fará a cirurgia.
   
 Veja o estrago que o câncer pode causar Aqui 


Nessa imagem ela segura o espelho, refletindo o seio direito. Comparando como seria se ela tivesse as duas mamas


 Essa imagem tirei do filme Smukke mennesker, é um filme muito interessante para muitos ele pode ser sem graça ou pacato mais na realidade o filme conta história de quatro pessoas cada um tem  desejo de ser Feliz eles vivem em busca de algo. Entre as personagens uma se destacou Anna, uma mulher atraente mas que vive frustrada com uma sequela: não tem a mama esquerda.

Isso é triste é como se feminidade fosse parcialmente perdida.
 Algumas tem condições e colocam próteses, outras já não podem desfrutar desse mesmo privilégio, por conta disso  se martirizam todos os dias, reparando a cicatriz... o vazio que ficou.  

21 comentários:

*♡* Jane Dos Anjos *☆* disse...

Nossa falou tudo Nathy, acho que um dos câncer mais sofridos e traumatizantes é o da mama, a feminilidade da mulher está muitas das vezes na mama e nos cabelos, eu compactuo com sofrimentos dela, pois poderia ser comigo e acho que o governo deveria dar operação de graça pra quem não pode pagar recolocar a mama, o que eu sei ´que tem um hospital em São Paulo faz a operação de graça, mais tem que entrar na fila e esperar a vez e também tem uma ong onde elas doam sutiãs que já vem com a mama perdida pra poder usar roupas mais justas... Tudo isso deve ser uma luta diária e devemos reconhecer que todas essas mulheres que passam por isso, são verdadeiras vencedoras.
Obrigada pela visita, ainda estou visitando todos com calma e escrevendo minha postagem... rsrsrsrs... Bjs

Leka disse...

O câncer em si já é algo dramático, que gera muita dor...e se tratando do de mama mexe demais com o psicólogo da mulher e a auto estima, pois é uma mutilação a retirada de um seio...deveria haver uma campanha para ajudar as mulheres que não possuem recurso financeiro para que elas pudessem colocar prótese, pois nesse caso não é apenas uma questão de estética, mas sim da saúde mental da mulher que após a retirada de um seio sente-se menos feminina e mutilada...

Lady LoLo disse...

Não vi esse filme, e WTF fiquei muito chocada com o link que vc deixou T_T

Teorias de Gi disse...

Nossa eu tbm não dava bola até agora...eu cliquei na imagem e me arrependi...mas boa iniciativa e com certeza um bom post!

HONORATO,Sandro. disse...

Olá.
Belo post pra um assunto pouco falado...E não vi esse filme mas valeu a diva >.<

Beijos e tenha uma boa semana
.....................
RIMAS DO PRETO

Sheila Lima disse...

Nossa, ótimo post, Nathy!!!! Adimiro quem posta coisas que realmente valem a pena...

Mil Sweetkisses \o/

musicos e cia disse...

é, descobri recentemente dois nódulos , agora é pedir ao Senhor que tudo de certo!

16 Amargos disse...

pensei q fosse algo sobre silicone vixeee.. mas enfim, ja ouvi falar desse filme, cancer é algo mt dificil :\ mas ainda bem q a medicina de hoje em dia está mais avançada

http://dezesseisamargos.blogspot.com/

Jeniffer Yara disse...

Nossa que triste isso, já ouvi muito sobre o câncer de mama,minha vó paterna morreu disso,e sei bem que precisamos dar mais atenção á essa doença.

Beijos

Fafa's disse...

É, eu que já tive câncer (claro que não de mama né), sei o quanto é terrível se ver tão perto da morte em tão pouco tempo. Eu sei que o normal da vida é morrer, mas... A rotina muda, tudo muda. No caso das meninas deve ser bem complicado mesmo, esse negócio de feminilidade. Por mais que elas continuem sendo um ser humano normal, pra elas nunca será a mesma coisa.

Muito bom, beijos ;)

Tay disse...

É um assunto pouco comentando, acho que por se ainda uma icognita, deve ser horrivel descobrir um câncer, seja ele qual for. Mas como você mesma disse, câncer de mama é quase que a morte para algumas mulheres, principalmente por ter que tirar a mama.
bjus ;*

JAN disse...

E O MAIS TRISTE É PENSARMOS QUE NUNCA VAI ACONTECER CONOSCO...

BELO POST!

ABRAÇÃO, LINDINHA!

JAN

Tsu disse...

Oi Nathy!

ótima iniciativa sua de falar sobre um assunto tão importante no post.

Então eu não sei acerca dessa espada samurai se é proibida ou não. Acho que não..em SP no bairro da Liberdade vende-se espadas e até em eventos é possível encontrar. Entretanto, todas as espadas vendidas não possuem lâmina. O acabamento não corta, pois se assim fosse seria considerado arma branca. Então pdoemso dizer que o que vemos á venda são réplicas.
bjs

http://www.empadinhafrita.blogspot.com

@jooy3 disse...

É triste isso, mas as mulheres tem que começar a se conscientizar que isso é sério e deve ser cuidado.
Muitas acham que um cacorçinho no lado não é nada dms, mas lá na frente pode acarretar em problemas piores ;/
Passa lá?
http://jooymartins.blogspot.com/
Beijos

J. Ríos disse...

Postagem bem útil, deixando um alerta necessário!Agradeço pela presença e comentário em meu blog...Seja sempre muito bem vinda por lá!Adorei teu espaço...Aqui fico!

Abraços

psrecuerdame.blogspot.com

leandroaleixo disse...

Verdade..COmecei a ver pelo texto pq abriu devagar.rsrsrs!!
Eu apoio..ja ate fui em caminhadas..parabens pelo post!

Monnien disse...

nossa, isso é um assunto serio...
e acredite, tenho medo de fazer esse exame =/

Bergilde disse...

Grande alerta porque mesmo com tanta facilidade e acesso à informação sobre o c.a.de mama ainda há tantas mulheres que transcuram a prevenção.
Abraço grande,

AquilesMarchel disse...

:/

Maahry! disse...

É triste mesmo...
Não é fácil passar por uma doença, ainda mais quando o fim pode ser uma debilidade...
Por mais que sejamos gratos pela vida, ainda fica o vazio como você comentou.

Nayara Borato disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog Azues. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

http://narroterapia.blogspot.com/